Aulas práticas oportunizam a construção de saberes para a vida
1 de setembro de 2021 Notícias

Ao possibilitar novas experiências de aprendizagem, a Rede de Educação Notre Dame visa engrandecer, em seus educandos, o desejo de construir e aprofundar saberes. Afinal, quando a produção do conhecimento transcende os limites físicos da sala de aula, torna-se mais atrativa e significativa.

Foi com tal intuito que o Colégio Notre Dame propiciou que, nos dias 13 e 20 de agosto, os estudantes do 9º Ano do Ensino Fundamental da Escola Notre Dame Menino Jesus usufruíssem da sua infraestrutura, participando de aulas práticas de Química e Física. Desse modo, os educandos debruçaram-se, de forma dinâmica e divertida, sobre conteúdos relativos à sua etapa de ensino.

Acompanhados pela docente Alânia Fior, por exemplo, eles visitaram o Laboratório de Química da instituição de ensino, realizando experimentos capazes de evidenciar conceitos e fenômenos conhecidos somente na teoria. Já na Cozinha Experimental, participaram de uma oficina culinária que, orientada pela educadora Janaína Ortiz, levou-os a perceber os fenômenos envolvidos na preparação dos alimentos. Por fim, constataram a influência que o atrito exerce sobre o movimento dos corpos, bem como recordaram os conceitos de Pressão, Força e Área, durante aula ministrada pelo docente Pedro Henrique Giaretta, no Laboratório de Física e Biologia do educandário.

A receptividade à abordagem pedagógica evidenciou-se através do relato entusiasmado dos estudantes. “Foi uma atividade muito diferente e interessante, pois tivemos a oportunidade de utilizar equipamentos e toda a infraestrutura do Colégio para fazer experiências inovadoras, que nos possibilitaram entender de forma prática e dinâmica o conteúdo”, evidenciou a educanda Maria Luiza Satler.

Mais que construir saberes, porém, os adolescentes puderam vislumbrar a proposta de aprendizagem por meio de itinerários formativos, a qual fará parte da sua rotina escolar já no próximo ano letivo. Afinal, a partir de 2022, os adolescentes matriculados na 1ª Série do Ensino Médio poderão escolher a área do conhecimento sobre a qual pretendem aperfeiçoar-se, além de terem assegurada a formação geral em todos os componentes curriculares.

Acesse a galeria de fotos:

Conheça as práticas realizadas:

Química:
1) Sublimação do Iodo e da Naftalina: após terem construído saberes sobre os estados físicos da matéria, os estudantes puderam observar a transição do estado sólido para o gasoso.

2) Transformações químicas e físicas: aquecendo o Enxofre, os educandos visualizaram o processo de liquefação. Ou seja: testemunharam uma transformação física. Fazendo o mesmo com o Dicromato de Amônio, por sua vez, assistiram à sua combustão. Isto é, contemplaram uma transformação química.

3) Pasta de dente de elefante: a partir da reação obtida ao misturar Peróxido de Hidrogênio, detergente, corante e Iodeto de Potássio, os adolescentes revisitar alguns conceitos da disciplina, como o de catalisadores e o de velocidade de reação.

4) Prática culinária: o interesse pela Química é despertado quando o conhecimento se constrói de modo que os estudantes possam visualizar sua aplicação prática. Sendo assim, as aulas realizadas na Cozinha Experimental do Colégio Notre Dame possibilitaram a visualização de conceitos e fenômenos envolvidos no preparo dos alimentos. Para isso, os adolescentes foram convidados a reconhecer as propriedades dos ingredientes necessários à elaboração de um cappuccino. Perceberam, por exemplo, que o chocolate em pó atua como fonte de energia, enquanto a canela em pó possui função termogênica. Além disso, recordaram a composição do bicarbonato de sódio – utilizado para neutralizar o PH do café. Por fim, eles puderam saborear a bebida quente.

Física:
1) Disco Flutuante: aprofundando o seu entendimento sobre a Primeira Lei de Newton, os estudantes construíram um Disco Flutuante – utensílio que consiste na acoplagem de um balão em uma tampa de plástico presa a um CD. Após terem enchido a bexiga, eles soltaram o experimento em uma superfície plana e lisa. Observando o seu deslizar, então, constataram como um objeto desloca-se por distâncias maiores quando o atrito é reduzido. Como a força de atrito é, na maioria dos casos, uma das responsáveis pelo fato de que não é comum observarmos objetos se deslocando continuamente sem a ação de uma outra força propulsora, a experiência demonstra o princípio que diz que “um objeto tende sempre a manter o seu estado de movimento uniforme ou de repouso, se não houver a ação de forças externas”.

2) Cama de pregos: constituído por pregos distribuídos uniformemente sobre uma superfície, o experimento exemplifica como pressão e força são grandezas inversamente proporcionais. Afinal, quanto maior for a área com pregos, menor será a pressão de uma força aplicada nessa superfície. Por isso, quando uma pessoa se senta em uma cama de pregos, seu peso é dividido em cada ponta, de modo que a pressão sentida por ela é fracionada. Por outro lado, se essa pessoa pressionar apenas o indicador em um dos pregos, sentirá dor, pois a área será menor e, consequentemente, a pressão aumentará.